Re:En² #07 – Hunter X Hunter Vol 01-04

Sejam bem-vindos ao sétimo episódio do Re:En², o podcast mensal de mangás que me obrigaram a escutar.


Neste programa, Judeu Ateu, Estranho, Luki e Izzo (Dentro da Chaminé continuam com o projeto mensal de analisar 4 volumes de um mangá, começando com mais uma temporada, desta vez com o mangá Hunter X Hunter.

Contato
Sugestões de pauta, sugestões de leitura, dúvidas, elogios, críticas, qualquer coisa! O email para contato é: contato@aoquadra.do

Feed | iTunes

Download (CLIQUE COM O BOTÃO DIREITO DO MOUSE E ESCOLHA A OPÇÃO “SALVAR DESTINO COMO…” OU “SALVAR LINK COMO…”)

13 Respostas para “Re:En² #07 – Hunter X Hunter Vol 01-04

  1. Só vou descordar do Judeu em duas coisas:
    1 – A desconstrução do torneio foi meio broxante, ousando, mas um pouco broxante. Terem mostrado um pouco das lutas anteriores foi uma boa consolação e necessária pra saber sobre o Ilumi.

    2 – Acho meio injusto apontar como nitpick que interromper o torneio é clichê, pois seguir com o torneio até o final é clichê também! Não tem muitas nuances do que pode acontecer.

    No mais, boa análise.

  2. gostei muito da edição, hxh é um dos meus mangás/animes favoritos, mas ainda perde para One Piece e por isso q espero que um dia tenha um segunda temporada do re: en de One Piece. E após esse sobre o de hxh que o próximo mangá a ser analisado seja D. Grayman.

  3. Desculpe mas você não vai achar algo coolness em um manga em que os vilões andam de metrô. Togashi nunca se importou em fazer que os personagens pareçam legais, ele é bem prático e uma coisa que gosto dele é que se um personagem não se encaixa ele simplesmente o descarta.

  4. Pelo o que ele já gostou daqui, o Judeu provavelmente vai estar pagando muito pau quando chegar no terceiro programa.
    E quando o pessoal fala de desconstrução acho que se referem mais a York Shin/Chimera Ants mesmo, ficar procurando logo no começo vai só te decepcionar mesmo.

  5. Eu conheci hunterxhunter pelo anime que passou na rede tv, depois de muitos anos tomei coragem pra ler o mangá, na época esta no arco da eleição.
    É o seguinte eu não considero hunterxhunter um mangá genial, mas sim um bom mangá shonen mas que foge da maioria dos clichês que já estamos acostumados.

    Uma coisa que vocês não entenderam, na parte dos prisioneiros, nem todo mundo foi em equipe, o que acontece que convenientemente o caminho que eles escolherão só poderia ser feito numa equipe de cinco, outros competidores pegaram caminhos mais fáceis onde não tinham que lutar com ninguém.
    No anime tem um arco filler durante o exame hunter onde, todos os participantes ficam num hotel beira mar, e ai é trabalhado um pouco mais as motivações de todo mundo que ta ali no exame hunter,no mangá o personagens me pareceram bem rasos.

    Bom veremos ate onde vocês conseguem suportar os rabiscos do togashi

  6. Concordo com 90% da crítica do programa, embora o Exame Hunter seja eficiente em demostrar a estrutura narrativa do mangá, ele tem uns defeitos bem chatos e amadores até. Nem parece o Togashi de Level E. Parece que ele ainda não sabia como unir a sua esquisitice a uma história de aventura ainda. Aos poucos ele foi aprendendo.

    Discordo que mostrar duas cenas do final de cada luta seja “mostrar o torneio”, além de que tem informações importantes no momento que seria muito chato de serem passadas somente com diálogo. Não é necessário inverter algo 180° para ser diferente, o mais importante é a utilidade disso no enredo. Quando ele achou tecnicamente necessário ele cortou e voltou pro que era a parte importante. Pra mim ele conseguiu equilibrar as duas coisas muito bem.

    Só acho chato usar como crítica HxH não ser desconstrução porque.. ele não é. Isso é coisa pós-madoka de que qualquer merda diferente é chamada de desconstrução. Ele subverte vários pontos de plot desde sempre, embora fique mais claro isso depois de York Shin, mas ele não desmembra as características de um gênero ou estilo para fazer um comentário sobre, que é o que a desconstrução faz. É a como reclamar que OP tem coisas feitas no improviso porque dizem que o Oda planejou tudo, o que é… claro que não. Só pessoal que não sabe o que fala acredita nisso.

    Não gosto muito do arco principal do próximo programa (ficou beeem melhor no anime, no mangá é meh). Mas o antes e pós dele são bons então será interessante de se ver.

  7. Na real nunca HunterxHunter como uma desconstrução direito (acho que se tentasse ser, umas coisas iam ir para outro caminho). É só o Togashi fazendo literalmente o que ele quer sem ninguém dar palpite e pronto. Provavelmente por isso o mangá tem um feel tão diferente de Yu Yu Hakusho por exemplo.
    Faz muito tempo que eu li hxh (agora deu vontade de reler) mas acho que definitivamente é um mangá que ganhou fama mais por uma construção de muitos anos que algum começo impactante, por que tá bem longe disso lol
    E Kuropika pra mim, no começo, tava lá mais pra ser bonito já que não tem personagem feminina no grupo principal.

  8. Só pra ecoar os comentários de que HxH não é uma desconstrução, especialmente não a essa altura, e o fato de certos momentos não desconstruírem nada não é bem uma crítica do mangá, e sim uma crítica de um fandom idiota (ou pior, uma falácia do espantalho).

  9. Zoam a corridinha no início do exame Hunter, mas não sabem como fica uma rua ou avenida de faculdade ou escola quando esta faltando menos de trinta minutos pra fechar as portas da prova do Enem.
    É a mesma coisa, só da a valer correndo com medo do portão fechar na cara, quem num aguenta corrida ou é lento, perde, pode tentar ano que vem.

  10. Qual o nome da música?

    Anyway, uma coisa que me irrita em HxH até hoje é como homicídios e variantes são simplesmente irrelevantes a nível de enredo e como isso parece irreal.
    Eu simplesmente não consigo acreditar que todo mundo fica okay com a forma como o Killua é psicótico no começo do mangá e simplesmente não há consequências a nível re relacionamento para o que ele fez, ou como a gente NÃO TEM nada, ninguém, absolutamente ninguém, que esteja caçando, investigando ou sequer repreendendo o Hisoka. Todo o mundo do mangá é focado em punir comportamento irrefletido – por isso todo o enfoque em regras -, mas os personagens tem uma plot armor fodida de consequências externas às regras do jogo. Não só isso, a morte de praticamente todo mundo é tão ridiculamente leve que a gente nem tem sinal de possibilidade de retaliação, vingança ou mesmo lamentação. É só um grande foda-se mesmo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s