Segunda Potência #16 – Mixtape (Lado B): Hip-hop Underground


O que é?

Segunda Potência é um podcast spin-off, sem periodicidade fixa, da “franquia” ², feito pelo Judeu Ateu e o Estranho. Nele, são abordadas outras mídias que não os mangás. Filmes, séries, quadrinhos não japoneses, video games, e agora música são abordados neste podcast.

Na décima sexta edição do Segunda Potência, criamos mais alguns Mixtapes!

Neste programa…

… mais uma vez brincamos um pouco de rádio, criando dois conjuntos de obras musicais com temáticas próprias. Neste segunda iteração do Mixtape, escute a seleção do Judeu Ateu, com 6 músicas do estilo hip-hop que ficam fora do radar da maioria das pessoas, ou seja, Hip-Hop Underground.

Mais uma vez estamos experimentando com a estrutura do podcast, sendo assim, contamos muito com o seu feedback para nos auxiliar a entender e aprimorar melhor esse formato proposto! Assim sendo, venham conosco na Rádio Segunda Potência!

Playlist
(06:15) Serengeti – The Whip
(15:45) Busriver – Imaginary Places
(22:50) Shahmen – Dirt
(30:05) Milo – @yomilo
(37:15) Spirit Agent – Womanism
(45:50) Zeroh – Fkit

Feed | iTunes

Download (Clique com o botão direito do mouse e escolha a opção “Salvar Destino Como…” ou “Salvar Link Como…”)

10 Respostas para “Segunda Potência #16 – Mixtape (Lado B): Hip-hop Underground

    • Eu que sou responsável por atualizar o feed, mas fiquei sem internet em casa ontem a noite toda, consegui só parar pra ver agora! Foi mal pela demora!

      • Sem problema. Uso app para ouvir o cast, e estranhei o fato de que ele não baixou automaticamente. Dei uma olhada no XML do feed e não tinha o episódio.
        Mas já está ok, cast baixado e pronto pra ouvir. Valeu!

  1. Eu realmente não gosto de Hip-Hop e só ouvi por ser uma compilação do Judeu. Eu continuo não gostando mas pelo menos esta lista me mostrou que o gênero pode ser bem mais diverso do que eu achava e bem mais interessante também. E que vou procurar ouvir mais um pouco do Busriver pois esta Imaginary Places é tão diferente (de uma forma muito positiva) que vale a pena se esforçar para conhecer.

  2. E eu aqui achando que conhecia alguma coisa de hip hop underground…

    Judeu, fantástica playlist, curti todas as faixas (curti MUTO Serengeti e Busdriver) vou atrás de todos so artistas pois hip hop bom nunca é demais! E fechar com Accordion (única que conhecia, ganho algum ponto?) foi masssa.

    Deixo como recomendação o album “Below the Heavens” do Blu produzido pelo Exile, provavelmente meu album de hip hop favorito :

    E por ultimo, como fã da série Mixtape, acho que seria interessante um episódio só de músicas instrumentais (sem letra), poderia focar a discussão mais na musicalidade, gosto ou “estética” musical.

    Adoro o poscast, continuem com o ótimo trabalho!

  3. Não costumo comentar, mas acho que esse episódio vale. Coincidiu perfeitamente com um momento em que eu estava querendo saber mais sobre hip-hop. E apesar de não ter curtido tanto as músicas, a discussão sobre elas foi excelente excelente!

  4. Não costumo comentar, mas sempre escutando o podcast de vcs, parabenizo pelo bom Trabalho até aqui, vida longa ao podcast e que sempre tragam bom conteúdo. Adorei o podcast sobre ska e esse também, até agora não fizeram um de musica Nacional, queira saber a opinião e gosto de vcs a respeito da música brasileira. Eu sei que tem muito lixo musical por ai, mas também tem bons artistas. Gostaria de saber a opinião de vocês, abraços.

  5. Vi o tópico do programa e a capa de um álbum do BusDriver e fiquei bem curioso pra ouvir. Já conhecia BusDriver (ainda não ouvi muito da discografia dele mais antiga, mas gosto muito dos dois últimos álbuns dele) e Milo que são dois rappers que gosto bastante, mas Shahmen e Zeroh nunca nem tinha ouvido falar e curti bastante, principalmente o último, apesar que achar coisas dele compiladas em algum lugar tá sendo um pouco mais difícil do que imaginava.
    Quase certeza que o Judeu descobre música de lugares parecidos com os meus (só que claramente entrando muito mais fundo no buraco do coelho lol), mas curioso pelo menos pra saber se ele gosta do Open Mike Eagle, Injury Reserve e talvez Young Fathers que parecem ter um estilo parecido com algo que ele gostaria.
    E sei que você disse não curtir Hip Hop com um estilo mais agressivo, mas o que você acha de Death Grips e Clipping? (btw o rapper desse segundo grupo é o Daveed Diggs que atua como o Thomas Jefferson e Marquês de Lafayette no musical Hamilton).

  6. Gostei dessa lista de músicas, é desse tipo de rap que gosto, sem coitadismos, ostentações ou sexualizações. É esse o meu problema com Gangsta rap

    Gosto também de ouvir trilhas sonoras de DJs, como Okawari, Nujabes, Mitsu the Beats, Fat Jon, JDilla, DJ Premier… nas recomendações do Spotify, nessa semana descobri o Funky DL e Bop Alloy. Clássico eu curto o De La Soul. Rap nacional eu acompanho no Youtube o canal IndieBH que tem bastante coisa interessante e o Haikaiss e o Gabriel o Pensador (as últimas musicas dele estão boas).

    Outra coisa que descobri também foi músicas de hip-hop feito por jogadores da NBA, vi esse canal do Dame DOLLA (Damian Lillard do Portland Trail Blazers) e o cara faz música boa no seu tempo livre:

    O Shaquille O’Neal também fazia musicas também, é só procurar no Youtube

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s