Mangá² #14 – Mangás para Adultos

Sejam bem vindos ao décimo quarto episódio do Mangá², seu podcast semanal sobre mangás!

Na discussão não-tão-aleatória da semana, tentamos descobrir e classificar o que são, ou o que faz os “mangás para adultos”… serem para adultos.

Na análise dos capítulos da Jump, entramos em um pequeno luto por Naruto, tiramos sarro do bambu em One Piece e demos nossa opinião geral sobre o encerramento de arco em Toriko.

E na recomendação da semana, uma sugestão simplória, curta, mas extremamente agradável, um dos melhores one-shots que existem por aí.

Contato

O seu contato é muito importante pra nós! Queremos sempre a sua participação comentando os capítulos, a pauta sugerida, enviando sugestões de leitura, pedidos de sugestões específicas, elogios e críticas em geral, qualquer coisa!

O email para contato é: contato@aoquadra.do

Links Comentados

Uzumaki pela rika.com.br

ToCast – Antologias Shonen: Kodansha

Regarding Death (webcomic experimental)

Cronologia do episódio

(00:20) Discussão da Semana: “Mangás para Adultos”

(21:10) Leitura de Emails

(33:17) Naruto #605 – Inferno
(39:10) One Piece #684 – “Pare, Vegapunk”
(45:40) Toriko #207 – O Jantar dos Reis

(54:00) Recomendação da Semana – Island

Download (CLIQUE COM O BOTÃO DIREITO DO MOUSE E ESCOLHA A OPÇÃO “SALVAR DESTINO COMO…” OU “SALVAR LINK COMO…”)

13 Respostas para “Mangá² #14 – Mangás para Adultos

  1. Acho que o niilismo (pelo menos em mangás) é tratado de forma meio barata como desenvolvimento psicológico. Não entrando no mérito do niilismo em si, como filosofia, mas é algo que vende muito pra adolescente revoltado com a sociedade, aquela galera que acha que o mundo é horrível e as pessoas devia morrer (cof cof 95% da fanbase de Death Note cof cof).

    É válido, como nudez e violência são válidos, mas muitas vezes é voltado pra não ser maduro mesmo, pra vender pra quem, por definição (generalizando, claro), não é maduro. Normalmente é muito mal usado mesmo. Mas o que não é, afinal? Tudo depende da abordagem mesmo.

  2. concordo com voces que é muito dificil de dizer que um manga é adulto ou nao seja pela violencia ou teror sexual nao quer dize muito.em naruto eu nao achei concidencia o obito e só para e ver que tem uma guerra seria normal ninja posuirem ninja estranho seria em uma guerra eles tomaram chá com a rin e se tivese um luta em cima do meu esconderijo eu ira sim sair pra ver o que ocorreu entao nao foi coincidencia o madara achar o obito agora que ficou forçado ficou alem de esta muito previsivel eu sempre achei que o kakashi tinha aquele mangekyou sharingan por ter matado alguem importate que ele ia olhar no tumulo nunca acreditei fortemente que era a rin pos ela poderia estar viva era so um talves que se tornou real no momento em que confirmou-se a morte da rin e isso ja esta chato tudo e muito previsivel em op por exemplo o shirohige e o Ace morreram e ainda rolou um time spike gosto mais quando as coisas me surprendem, nao gosto do caesar crown ele é muito ridiculo smoker e vergo foi legal mais parece que ira ser uma luta em off concordo com a teoria do bambu ter comido uma fruta ai ser bastante legal.em toriko o misterio sera revelado semana que vem o pack men foi uma boa ideia de resto capitulo muito bom .

  3. pra mim oq seria um manga “ADULTO” depende muito se tive muita violencia ou sangue pode varia se for algo mais psicologico tipo uma tortura em vez do que apenas uma luta de açao ja na parte do ecchi complica mais pq e dificil ver uma cena q n seja apenas fan service pra fala a vdd eu nunca vi uma manga desse tipo q pode ser classificado como “ADULTO” bem no niilismo eu vejo como algo bem neutro pois seu enredo e adulto mais tbm pode ter como o publico jovem pois nessa obra pode ter uma mensagem por tras q leve o amadurecimento…a sim bleach e foda i eu sei q vc ama bleach judeu ateu

  4. Gantz de longe é um mangá que podem falar que é maduro, nudez e violência gratuita, mas ainda assim é a série que eu vi maior desenvolvimento pessoal até mesmo de alguns personagens secundários nas primeiras missões, quando eles se encontram bem perto da morte de deles. Isso e Onani Master Kurosawa, seriam mangás maduros pra vocês? E NHK?
    Do jeito que até o Naruto agora é Senju (sério, muito tosco os Uzumaki serem “primos” dos Senju, tinha mais lógica um video do youtube falando que o Minato era filho da Tsunade e o Dan,mas enfim, acho que o Kishi pra chutar o balde vai dizer que a Rin é uma Senju, só espero que com isso venha a explicação de não haver um clâ Senju do jeito que havia os Uchiha ou os Hyuuga em Konoha.

  5. Não sei se na hora que vocês postaram estava tudo ok, mas os volumes de Uzumaki já não estão mais disponíveis… Tava louco pra comprar o vol.1

    Muito interessante a discussão da semana, mais um vez!

    Naruto: Muito desnecessário. Pode enterrar o Kishimoto. Como vocês citaram, tá muito previsível e mal bolado aquilo tudo.

    Visualmente, a única parte interessante foi a parte do olho mudando para magenkyou…

    Aquilo do Obito não procurar entender a situação foi muito mal preparado e apressado. Difícil ver algo bom sair disso tudo. Ele começou tão bem o desenvolvimento da mudança do Obito, mas acabou sendo arrastado demais e parece acabar em merda…

    Posso dizer com toda sinceridade que não tenho mais nenhuma expectativa em Naruto.

    Bem, é isso aí! A edição de vocês está ficando cada vez melhor. Os quadros estão tomando uma forma mais definida. Tá muito bom o programa. Parabéns!

  6. Discussão difícil essa em, mas acho que em boa parte dos casos pode ser considerado como “adulto” tudo aquilo que exige que você tenha alguma experiência.
    No caso de Solanin, que li esse fds e realmente é fantástico, acho que a obra pede algumas experiências do leitor, não que elas sejam obrigatórias, mas com elas você desfruta melhor a obra, como já tendo as experiências do mundo “adulto”, pegar condução cheia, querer mudar de emprego, sua vida amorosa, as recordações da “faculdade” em outros mangás “adulto” vemos muita nostalgia da infância.
    Acho que não é regra, mas que talvez as obras adultas peçam que você tenha certas experiências de vida. Não sei, falei, falei e não sai do lugar aushuahss.
    Sobre Naruto acho que Kishimoto já desde começo não esconde sua preferência pelo obvio.
    Essa saga de One Piece ta legal, to gostando, do umas risadas, mas sei lá a tempos a obra não me da aquela empolgação.

  7. Pingback: Resposta a Anime Portifolio « Joint for Progress pelos animes!·

  8. Mangás para adultos são a oitava maravilha do mundo o/ Não que eu não goste de shounen, mas eu acho que essa visão de “ler mangá só para se divertir e passar o tempo” é muita subestimação dos mangás. Tem muita coisa boa e profunda nos mangás, coisas reflexivas e filosóficas, e se for pra ler, que leia-se algo para aprender ou então que atice a mente. A mentalidade de fãs de shounen que eu disse ali em cima é comparável à fãs de novelas, e os otakus estão se rebaixando à esse nível quando se apegam muito ao shounen e ignoram os mangás para adultos (e nem Elfen Lied e nem Gantz não são mangás para adultos -.-)…

    Ah, e eu sei o que classifica um mangá como adulto: inteligência =)

    Putz, All Rounder Meguru tem filosofia sim! Mas aquela filosofia quase esportiva, como quando o Meguru se pega pensando no por que dele estar praticando, e se vale a pena continuar ou não…

  9. Pingback: Mangá² #54 – Hotel, Island e Because Goodbyes Are Coming Soon | Ao Quadrado ²·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s