ToCast 14 – Mangás de Esporte: Luta

Sejam bem vindos a mais um Table of Cast!

Neste episódio, Estranho, Henrique e Boxa iniciam uma nova série de podcasts, voltadas especificamente para mangás de esportes.

No primeiro programa, discutimos quais são os melhores Mangás de Esporte de Luta! Nessa categoria falamos de mangás de esportes como judô, boxe, caratê, MMA, entre outros!

Séries Citadas (por ordem de citação)

Hajime no Ippo, Ashita no Joe, RRR, Boys On The Run, Rokudenashi Blues, Katsu!, Buyuden, Kinnikuman, Tiger Mask, Tennen Kakutou Shoujo Chihiro Chan, K. O. Sen, Kick no Oneesan, Karate Shoukouchi Kohinata Minoru, Hanza Sky, Yawara!, Kurogane, Yuuhi yo Nobore!, Bamboo Blade, Haru Polish, Shura no Mon, Kenji, Hakkeyoi, All-Rounder Meguru, Tough, Baki

Links Úteis

Bizarrices do autor de Baki

Contato

Twitter: @aoquadra_do
Email: contato@aoquadra.do

Feed

Download (CLIQUE COM O BOTÃO DIREITO DO MOUSE E ESCOLHA A OPÇÃO “SALVAR DESTINO COMO…” OU “SALVAR LINK COMO…”)

15 Respostas para “ToCast 14 – Mangás de Esporte: Luta

    • Eu sempre achei que mangás de esporte podem ser tão bons (ou até melhores) que qualquer outro gênero. Sinceramente nunca entendi porque tanta gente tem esse preconceito…
      Acho que é “destreino” de ler histórias boas do gênero. Conheço muita gente que não curtiu Eyeshield 21 ou Prince of Tennis por não curtir o estilo desenvolvido, não o esporte em si. Mas nunca vi ninguém que não gostou de Slam Dunk; ou seja, é tudo questão de saber o que ler!

  1. ótimo podcast, eu até fui citado nele por ser o fanboy de RRR (mangá excelente por sinal, reforço a recomendação), haha!

    As recomendações de mangás que foram feitas aí foram ótimas. Já li alguns dos citados e reforço as recomendações (mesmo eu não sendo lá muito atraído por esportes, eu adoro histórias sobre esportes de luta e Slam Dunk, que é um dos meus mangás favoritos)

    Queria ler Tough, eu gosto do outro mangá do autor (Riki-oh), parece que eu irei gostar da série, o único problema é ser um mangá extremamente grande. (a parte 1 que saiu na Young Jump nos anos 90 tem 42 volumes, e a atual tem mais de 30!) Fico também na torcida para que as scans completem Yawara! logo para eu poder ler a primeira obra do mestre Urasawa na íntegra, parece outro título bacana.

    Preciso tomar vergonha na cara e ir terminar de ler Kenji. Li 2 volumes e gostei muito do que li.

  2. Adoro usar meu exemplo de vida (oloko, fera!) pra galera que não curte Mangás do gênero: Quando Slam Dunk saiu nas bancas do Brasil, lá nos primórdios mesmo, eu olhei… olhei a capa… Vi basquete… e pensei: “Nossa, mangá de basquete? Quem curte essa merda?”

    Alguns anos se passaram, e hoje eu considero Slam Dunk a maior criação em termos de mangá de esporte que existe! Sem falar que em termos gerais mesmo, o mangá desce o pau em muito mangá meia-boca que a galera costuma endeusar por ai.

    Sério, quem não lê mangá de esporte por puro preconceito, sinto muito, mas está perdendo um excelente gênero a troco de nada.

  3. Se alguém quiser me considerar fanboy de RRR também, sintam-se à vontade. Um dos 3 mangas que mais tenho curtido na atualidade por uma grande margem.

  4. Em relação ao fato de Ashita no Joe ter influenciado a grande leva de mangás de Boxe que vieram depois, acho um argumento válido, mas não acho que é um fator predominante, se mangás de boxe fizeram sucesso depois de Ashita no Joe é por mérito dos próprios autores.

    Só ver Slam Dunk, considerado um dos melhores mangás já feitos (ponto), mas quantos mangás do esporte fizeram sucesso depois dele?

  5. mais um ótimo episódio, chapas. curti bastante a ideia dessa série, já estou no aguardo pelos próximos (principalmente o de esportes de tabuleiro e cartas). =’)
    assim como muitos eu não me importava por mangás de esportes, já que nunca gostei de esportes, mas nos mangás é diferente, além da gente acompanhar os jogos/lutas a gente acompanha também a vida dos personagens. isso pra mim é o mais importante e fez desse gênero um dos meus favoritos.
    com certeza irei atrás de kenji, é uma série que já estava pensando em ler. parece ter aquele feeling divertido dos filmes dos anos 80 de artes marciais com crianças da sessão da tarde. =B

  6. Pingback: Top 5-1 – Esportes Não Convencionais « Mangatologia·

  7. Muito bom.

    Ja conhecia um pouco de Tough e Grappler Baki ( ate que fim Baki esta batendo em Yujiro haha).

    Sobre karate tambem tem Shamo.

    Alguns nomes de mangas eu não consegui entender. Depois eu ouço denovo e jogo no google ate ele me corrigir, hahaha.

    • Eu tava com um plano de deixar um “guia” com o nome das séries que falamos, porque muitas vezes o nome é complicado.
      Seu comentário fez eu acelerar o processo e preparar a listinha, pode conferir ali em cima no post!

  8. Pingback: Table Off Topic 01 – Superpoderes Reais « Mangatologia·

  9. Pingback: ToCast 20 – Shonen Jump 1968 – 1989 « Mangatologia·

  10. Pingback: Top 5-1 – Esportes Não Convencionais | Ao Quadrado²·

  11. Pingback: ToCast 20 – Shonen Jump 1968 – 1989 | Ao Quadrado²·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s